Avisos

  • Domingo 4 maravilhosos cultos às 08h, às 10h, às 17h e às 19h15

  • Toda segunda-feira do mês de outubro às 20h no Tadel, teremos o pastor e terapeuta Tiago Laurentino com um trabalho poderoso de cura interior e restauração.

  • Sexta-feira Campanha derrubando muralhas, às 20h- você não pode ficar de fora!

Dinâmica: Qual é o seu dia da semana favorito?

Tema: Vivendo as promessas de Deus - Texto: Gn. 15:1

Deus aparece a Abraão e diz para ele sair da sua parentela e lhe faz uma promessa que engrandeceria seu nome e abençoaria toda a sua descendência. Deus libera a promessa porque a promessa alimenta e é combustível para quem tem fé, da coragem e traz ânimo para nossas vidas. Porém Abraão faz algo que acaba atrapalhando a jornada levando seu sobrinho Ló com ele. E com essa atitude Abraão coloca um peso desnecessário incluindo pessoas que Deus não incluiu, o que atrapalhou o seu desenvolvimento criando problemas desnecessários. Não podemos incluir pesos desnecessários em nossa vida, pois isso nos leva a vivenciar guerras que não é nossa. Abraão entra em uma guerra para salvar Ló na cidade de Sodoma e Gomorra. Ele entra na guerra com 4 reis 4 exércitos que já haviam vencido cinco reis, porém Deus lhe dá vitória, pois havia feito uma promessa a Abraão. Quando temos promessas de Deus vencemos o que a maioria não venceu. O segredo não está em mim, mas na promessa de Deus que está sobre a minha vida. O Rei de Sodoma faz uma proposta a Abraão que se assemelha a de Deus, mas ele teve discernimento para diferenciar a proposta de promessa e rejeita a proposta, pois sabia que sua prosperidade viria das mãos do Senhor e não queria dar a gloria que era de Deus para ninguém. Precisamos ter cuidado com as propostas porque é melhor rejeitar, mesmo que chorando, aquilo que vai te causar dores maiores mais tarde, pois a nossa prosperidade vem das promessas e das mãos de Deus. Depois da guerra Deus se apresenta em visão e traz a palavra que coloca Abraão de pé novamente, pois já havia se passado 10 anos desde que Deus havia lhe prometido pela primeira vez. A espera pela promessa e nossas fraquezas e limitações nos impulsiona a deixar e desistir daquilo que Deus nos prometeu, porém nunca é tarde para viver o novo e as promessas de Deus. Ele se apresenta como escudo e como galardão. Escudo porque Deus estaria à frente e sempre daria a vitória nas guerras. Deus é o galardão porque Abraão largou tudo para obedecer a direção e viver a promessa de Dele. Quando estou disposto a dizer não para as propostas da terra estou apto para viver as promessas do céu. Abraão pensou que poderia transferir o que Deus prometeu a ele para o seu servo fiel, honrando a quem o havia honrado, mas Deus lhe diz que era dele que sairia a promessa dizendo que não a transferiria. Deus revela para Abraão sobre seu futuro afirmando a promessa. E tira Abraão lá de dentro da tenda que limitava e pede para ele contar as estrelas do céu, porém era dia portanto era pra que ele visse aquilo que visivelmente era impossível (Gn.15: 5). Abraão estava numa tenda o que o limitava, o tempo e a espera nos limita. Tem horas que entramos em uma tenda e não acreditamos mais, mas Deus entra na tenda e nos tira para fora e nos diz que o fato de não estar vendo, não anula a existência da promessa. Aquele que prometeu ainda é o mesmo. Deus também ensina a Abraão que antes de receber a resposta precisamos aprender dar (Gn.15: 9), O princípio é dar para depois receber, primeiro eu presto culto, adoro e depois eu vivo as promessas, na mesma medida que se dá, se recebe, Deus faz uma aliança de sangue com Abraão para provar a sua fidelidade. Deus passou no sangue, assim como Jesus que na cruz e Abraão adormece. Deus faz aquilo que Abraão não consegue fazer pois o homem é pecador e Deus é Santo, perfeito. Deus nos conhece e sabe que se dependesse de nós fracassaríamos e perderíamos a salvação e deixaríamos de viver suas promessas. Se acreditarmos na palavra de Deus é só descansar que Deus faz. Quando eu aprendo descansar aquilo que eu preciso já vem pronto O que precisamos é só viver o milagre, o processo que é o mais difícil é parte de Deus.

 

  1. Em sua opinião o que significa levar Ló comigo?

Sugestão de resposta: Significa levar pesos desnecessários que acabam atrapalhando a nossa caminhada e nos impedindo de crescer e viver o melhor de Deus. Nos fazendo entrar em guerras e batalhas que não são nossas criando problemas que poderiam ser evitados se tivéssemos obedecido a Deus. Pesos desnecessários é fazer algo que Deus não mandou, assim como Abraão que levou seu sobrinho Ló.

 

   2. Em sua opinião porque precisamos entender que Deus é o nosso escudo e galardão?

Sugestão de resposta: Porque podemos ter certeza de que Ele estará em nossa frente para nos defender na batalha e nos dar a vitória nas guerras, assim como um escudo. Precisamos entender que Deus é nosso galardão porque saberemos que todo o nosso esforço e obediência será recompensado, pois Deus nunca fica devendo nada a ninguém.

 

    3.Abraão disse não para o rei de Sodoma quando esse fez uma proposta, assim como o diabo fez uma proposta a Jesus. Pergunta: Em sua opinião porque precisamos dizer não para as propostas da terra e dizer sim para as promessas?

Sugestão de resposta: Quem sabe a promessa que tem não se engana com a proposta, as promessas podem demorar a chegar mais ninguém tira. Quando estou disposto a dizer não para as propostas da terra estou apto para viver as promessas do céu.

 

    4.Tem horas que entramos em uma tenda e não acreditamos no cumprimento da promessa, mas Deus entra na tenda e nos tira para fora e nos diz que o fato de não estar vendo, não anula a existência da promessa. Aquele que prometeu ainda é o mesmo. Pergunta: Qual é a promessa de Deus que você espera ver realizada em sua vida?

Sugestão de resposta: LIVRE

CONTATO
 

(11) 4311-5126

(11) 98090-7940

Email:

prjuliocelegato@hotmail.com

adrianoagape@hotmail.com

renan.fbg98.rf@gmail.com

LOCALIZAÇÃO

 

 

Rua Pavão, 149 - Vila Ayrosa

Osasco/SP - CEP 06280-150